Alergias alimentares: um problema de saúde pública

O termo "Alergia" foi referido pela primeira vez 1906 para definir uma "reação especifica do organismo". Atualmente, definimos a alergia como uma hipersensibilidade do sistema imunitário a um determinado alergénio.

Em caso das alergias alimentares as proteínas alimentares, normalmente inofensivas, causam uma resposta imune (reação alérgica) que pode variar de leve a grave (anafilaxia), que no limite pode causar a morte. O número de casos de alergias alimentares está constantemente a aumentar devido às mudanças no estilo de vida e da nutrição, dos processos industriais cada vez mais complexos e da contaminação cruzada que pode acontecer em toda a cadeia.

Alergénios - saiba mais.jpg

De acordo com a EAACI (European Academy of Allergy and Clinical Immunology), as alergias alimentares afetam mais de 17 milhões de europeus, onde as crianças e os jovens representam o segmento com o crescimento mais acentuado. É uma preocupação crescente de saúde pública, não só para as pessoas afetadas cuja qualidade de vida é inevitavelmente prejudicada, mas também nos custos significativos para os sistemas nacionais de saúde. Nos EUA, o FARE (Food Allergen Research and Education) relata 15 milhões de americanos que sofrem de alergias alimentares, com 5,9 milhões de pessoas com menos de 18 anos e 30% delas com alergias a mais de um alimento.

Não há tratamento definitivo para alergias alimentares. Normalmente o controlo passa por uma dieta com restrição para evitar os alimentos com alergénios.

A Mérieux NutriSciences é um parceiro para o sector alimentar, com um conhecimento profundo na gestão de alergénios:

merieux_nutrisciences_-_alergenios-page1_200x283.jpg

Pode também estar interessado em:

3 Dezembro 2021
A Comissão Europeia publicou os resultados do primeiro plano de controlo coordenado sobre a autenticidade das plantas aromáticas e das especiarias, levado a cabo por 21 Estados-Membros da UE, da Suíça...
2 Dezembro 2021
Notícias da Mérieux NutriSciences
A gestão da segurança alimentar nos materiais de embalagem destinados a géneros alimentícios deve ser avaliada através de duas perspetivas. Por um lado a embalagem deve ser capaz de manter as caract...