Em 2018 estão previstas as seguintes ações de formação.

Contacte-nos se necessitar de informação adicional.

 dgert.jpg

 

 

Duração: 4 horas

A gestão da segurança alimentar nos materiais de embalagem destinados a géneros alimentícios deve ser avaliada através de duas perspetivas. Por um lado a embalagem deve ser capaz de manter as características físicas, químicas, microbiológicas e organoléticas dos produtos durante a sua vida útil

(Saiba mais)

Duração: 4 horas

A problemática dos parasitas no pescado e produtos da pesca assume uma relevância crescente, não só devido à legislação que regula o sector do pescado e às perdas económicas das empresas.

(Saiba mais)

 

FEVEREIRO

Duração: 18 horas

A exportação para os Estados Unidos da América obedece a determinados requisitos legislados pelos diferentes organismos dos EUA. Em vigor desde Setembro de 2016, o regulamento 21CFR117, é aplicável a qualquer industria que exporta para os EUA produtos alimentares sob jurisdição da Food and Drug Administration (FDA).

(Saiba mais)

Duração: 7 horas

As empresas do sector agro-alimentar possuem, actualmente, uma crescente necessidade de demonstrar a garantia da segurança dos alimentos que fabricam e comercializam. Face à crescente pressão dos retalhistas e das autoridades em matéria de higiene e segurança alimentar, as empresas possuem actualmente novas ferramentas para melhorar o seu sistema de controlo.

(Saiba mais)

Duração: 4 horas

A problemática dos parasitas no pescado e produtos da pesca assume uma relevância crescente, não só devido à legislação que regula o sector do pescado e às perdas económicas das empresas.

(Saiba mais)

 

MARÇO

Duração: 7 horas

Entende-se por Food Defense a proteção dos géneros alimentícios de contaminação intencional por agentes biológicos, químicos ou físicos.  Apesar desta metodologia ter tido origem nos EUA, nos últimos anos, cada vez mais empresas europeias implementaram sistemas de Food Defense.

(Saiba mais)

Duração: 45 min

O dicionário define fraude como qualquer, "Ato de má fé praticado com o objetivo de enganar ou prejudicar alguém", tem por detrás a ideia de “engano, de astúcia”. Quando se trata de alimentos, a intenção é obter “lucro ilegítimo” e um “ganho económico” que poderá comprometer a segurança alimentar.

(Saiba mais)

Duração: 6 horas

A legislação relativa à rotulagem dos géneros alimentícios exige que os alergénios sejam destacados na lista de ingredientes e o controlo da contaminação cruzada com alergénios é uma exigência da maioria das normas, nomeadamente NP EN ISO 22000, IFS e BRC.

(Saiba mais)

Duração: 60 min

Duração: 7 horas

O termo “vida útil de um alimento” é utilizado para designar o período de tempo no qual este conserva as suas características de qualidade e as respetivas garantias de segurança alimentar.

(Saiba mais)

Duração: 30 min

A Recomendação (UE) 2017/84 da Comissão, de 16 de janeiro de 2017, relativa à monitorização de hidrocarbonetos de óleos minerais nos alimentos e em materiais e objetos destinados a entrar em contacto com os alimentos, refere que os Estados-Membros devem monitorizar a presença dos MOH nos alimentos.

(Saiba mais)

Duração: 7 horas

Depois de vários anos de preparação, no dia 22 de Novembro de 2011 foi publicado o Regulamento (UE) n.º 1169/2011 relativo à prestação de informação aos consumidores sobre géneros alimentícios.

(Saiba mais)

 

ABRIL

Duração: 6 horas

A legislação relativa à rotulagem dos géneros alimentícios exige que os alergénios sejam destacados na lista de ingredientes e o controlo da contaminação cruzada com alergénios é uma exigência da maioria das normas, nomeadamente NP EN ISO 22000, IFS e BRC.

(Saiba mais)

Duração: 10 horas

A qualidade de um produto alimentar envolve não só os seus aspetos físico-químicos e microbiológicos como também os aspeto organoléticos, ou seja a: análise sensorial. A Análise Sensorial é uma ferramenta básica para:

(Saiba mais)

Duração: 60 min

Duração: 14 horas

As auditorias internas são umas das ferramentas mais poderosas para a melhoria contínua das organizações. Para garantir a sua eficácia, estas devem ser efetuadas por profissionais qualificados e com conhecimentos de Sistema de gestão da qualidade da organização.

(Saiba mais)

Duração: 60 min

 

MAIO

Duração: 60 min

Duração: 7 horas

Entende-se por Food Defense a proteção dos géneros alimentícios de contaminação intencional por agentes biológicos, químicos ou físicos. Apesar desta metodologia ter tido origem nos EUA, nos últimos anos, cada vez mais empresas europeias implementaram sistemas de Food Defense.

(Saiba mais)

Duração: 7 horas
Duração: 30 min

Os materiais de embalagem, os kits promocionais em contacto com alimentos ou outros utensílios, podem transferir compostos que modificam as suas características organoléticas.

(Saiba mais)

Duração: 60 min

Duração: 6 horas

O dicionário define fraude como qualquer, "Ato de má fé praticado com o objetivo de enganar ou prejudicar alguém", tem por detrás a ideia de “engano, de astúcia”. Quando se trata de alimentos, a intenção é obter “lucro ilegítimo” e um “ganho económico” que poderá comprometer a segurança alimentar.

(Saiba mais)

Duração: 7 horas

É fundamental para a proteção do valor da Marca e dos interesses da Empresa assegurar que a informação nutricional declarada se ajusta às tolerâncias estabelecidas pela U.E. e que as alegações nutricionais e de saúde declaradas cumprem, com a respetiva condição estabelecida.

(Saiba mais)

Duração: 60 minutos

Duração: 45 min

A legislação relativa à rotulagem dos géneros alimentícios exige que os alergénios sejam destacados na lista de ingredientes e o controlo da contaminação cruzada com alergénios é uma exigência da maioria das normas, nomeadamente NP EN ISO 22000, IFS e BRC.

(Saiba mais)

 

JUNHO

Duração: 7 horas

As empresas do sector agro-alimentar possuem, actualmente, uma crescente necessidade de demonstrar a garantia da segurança dos alimentos que fabricam e comercializam. Face à crescente pressão dos retalhistas e das autoridades em matéria de higiene e segurança alimentar, as empresas possuem actualmente novas ferramentas para melhorar o seu sistema de controlo.

(Saiba mais)

 

OUTUBRO

Duração: 2 horas

Apesar da sua apresentação em forma doseada, os suplementos alimentares não são medicamentos, são sim géneros alimentí-cios e como tal, regem-se pela legislação alimentar.

(Saiba Mais)

Duração: 7 horas

O Sistema de Gestão da Segurança Alimentar (Sistema HACCP) é uma ferramenta fundamental para todas as empresas do sector agroalimentar não só para dar cumprimento à legislação aplicável, nomeadamente o Regulamento CE 852/2004.

(Saiba mais)

Duração: 14 horas

Se o tratamento térmico não é suficientemente intenso, o alimento irá conter ainda microrganismos indesejáveis e não será seguro. Se o tratamento térmico for superior ao necessário, produzir-se-ão perdas de nutrientes indesejadas e injustificadas, que reduzirão o poder nutricional do alimento, e provocarão alterações sensoriais.

(Saiba mais)

Duração: 7 horas

 

NOVEMBRO

Duração: 60 min

Duração: 7 horas

Entende-se por Food Defense a proteção dos géneros alimentícios de contaminação intencional por agentes biológicos, químicos ou físicos. Apesar desta metodologia ter tido origem nos EUA, nos últimos anos, cada vez mais empresas europeias implementaram sistemas de Food Defense.

(Saiba mais)

Duração: 60 min

Duração: 4 horas