23 Novembro 2020
|   NOTíCIAS DA MéRIEUX NUTRISCIENCES
Primeiro laboratório de alimentos na Europa com um Process Authority acreditado pela Almond Board of California (ABC)

Reconhecimento da nossa especialização e experiência na validação de processos

A validação (tratamentos térmicos, remoção de alergénios, desinfeções, etc…) é uma ferramenta chave para garantir que um processo pode alcançar o nível de segurança alvo e/ou cumprir com os requisitos legais.
 
Os estudos de validação de processos são estruturados para obter dados fiáveis que garantam a eficácia de um processo assim como a segurança do produto final e devem ser realizados por peritos sob condições bem definidas e controladas.
 
Já faz mais de 10 anos que começamos a utilizar a validação de processos como uma ferramenta chave para garantir a segurança alimentar dos processos e operações na indústria alimentar.
 
No passado mês de setembro a nossa experiência neste âmbito foi também reconhecida pela Almond Board of California (ABC), tendo sido dado à nossa colega Anna o reconhecimento como Process Authority, sendo assim a Mérieux NutriSciences o primeiro laboratório de alimentos na Europa a ter a referida acreditação.

A validação de processos realizada por um Process Authority é internacionalmente reconhecida como válida e com garantias.

No caso concreto das amêndoas, o relatório da validação do processo térmico realizado e assinado por um Process Authority pode ser enviado à Almond Board of California para que o valide como última garantia para a exportação, caso seja necessário. Neste caso, sabe-se que os produtos de baixa humidade não favorecem o crescimento da Salmonella. No entanto, o patogénico pode persistir durante períodos prolongados em produtos de baixa humidade. Em conformidade com o estabelecido pela FDA (Food and Drug Administration dos Estados Unidos da América), os produtores deste setor devem submeter as suas amêndoas a um processo ou processos de tratamento que garantam uma redução mínima de 4 log para a Salmonella e as amêndoas que se exportam para os Estados Unidos devem garantir esta redução. Caso contrário devem ser rotuladas como não pasteurizadas. Todos os processos de tratamento devem ser validados por um Process Authority, aprovado pelo Conselho da Almond Board of California.

A Mérieux NutriSciences coloca à sua disposição a nossa experiência, conhecimento na validação de todo o tipo de processos (tratamentos térmicos, limpezas, desinfeções, etc…) da indústria alimentar assim como a nossa acreditação como Process Authority quer seja para os processos térmicos aplicados às amêndoas como a outros processos levados a cabo na indústria alimentar.