A pele humana é um ecossistema complexo com diferentes comunidades microbianas, sendo o lar de milhões de bactérias, fungos e vírus que compõem o microbiota da pele.

O microbiota é extremamente importante para a saúde da pele e desempenha um papel essencial na sua proteção contra substâncias externas infeciosas ou tóxicas.

As comunidades microbianas cutâneas são específicas da região do corpo, do indivíduo e da raça e são bastante estáveis ao longo do tempo, apesar da sua exposição aos diferentes ambientes externos. Vários fatores, incluindo a utilização de antibióticos, cosméticos, sabonetes, produtos para o cuidado pessoal, assim como o nosso estilo de vida e os nossos hábitos alimentares, podem influenciar o microbioma da pele

É importante manter o EQUILIBIO MICROBIOTA DA PELE para preservar a sua fisiologia

Tipos de produto: produtos para o cuidado da pele e do corpo.

Desenvolvemos uma metodologia com o objetivo de demonstrar a real eficácia dos produtos de beleza, por forma a validar as menções presentes na rotulagem relacionadas com o microbioma.

Esta abordagem integrada combina os seguintes passos:

  • PASSO 1 • Seleção de um painel adequado 
    Recorrendo a uma abordagem de identificação por MALDI-TOF, o painel de voluntários é selecionado de acordo com as comunidades bacterianas presentes na pele e no couro cabeludo.
  • PASSO 2 • Demonstração da eficácia do produto no painel selecionado
    Como se comporta o produto no microbioma da pele? Graças a uma avaliação personalizável do microbioma da pele, antes e após a aplicação do produto, podemos comprovar a sua eficácia nos voluntários selecionados com uma abordagem integrada e com recurso a diversas ferramentas: métodos microbiológicos associados à identificação por MALDI-TOF, avaliação através de ensaios clínicos e por evidência visual.
  • PASSO 3 • Estudo de metagenómica (a pedido)
    O estudo da sequenciação taxonómica prevê a composição do microbiota da pele.

A avaliação do microbioma da pela é necessária não apenas para os cosméticos

A saúde da pele depende do equilíbrio entre as células e os milhões de bactérias e microrganismos que vivem na superfície, que pode ter uma forte influência nas diferenças funcionais entre uma pele saudável e uma pele doente ou danificada. Por outro lado, determinados tratamentos podem alterar profundamente o microbioma da pele e comprometer a sua saúde.

  • AVALIAÇÃO DO MICROBIOMA na DERMATITE DA PELE
    Os nossos estudos sugeriram uma ligação entre variações do microbioma da pela e o decurso da doença. Os surtos da doença podem estar associados a uma expansão do Staphylococcus aureus na pele lesionada e a uma perda substancial de biodiversidade do microbioma.
  • AVALIAÇÃO DO MICROBIOMA em PELE FINA
    Erupções cutâneas, pele seca e descamação, inchaço ou vermelhidão facial e prurido são os principais efeitos que podem ocorrer apó distúrbio da pela, uso de medicamento em adultos mais velhos.

Saiba mais sobre Segurança